Assistência Social Beneficente de Resgate e Amparo à Criança

Projeto de fortalecimento de vínculos das famílias

 

Com o propósito de melhorar as relações adulto-criança, criança-criança e suas relações afetivas no âmbito família escola, as reuniões do projeto  de fortalecimento de vinculo  tiveram inicio no mês de  abril, inicialmente contávamos com a presença de 15 famílias selecionadas pelas professoras de todas as faixas etárias, cuja crianças apresentavam em sala de aula algum grau de dificuldade na relação com o outro ou no âmbito afetivo familiar. Realizamos semanalmente um momento em que conversamos com os pais ou responsáveis que convive com as crianças, sobre a importância de dar  a elas uma atenção maior, separando um momento do dia para estar realmente com a criança, ouvir o que elas tem a dizer, perceber as mudanças de comportamento e estarem acompanhando com a professora as causas dos conflitos, mudança da crianças..

Na nossa primeira reunião percebemos que tínhamos que quebrar alguns tabus, como aquele de que criança “grande” não precisa de colo ( atendemos crianças de0 a4 anos), o simples ato de tocar nas crianças e perceber suas características causou estranheza aos pais que acompanhavam suas filhas. Oferecemos durante essas reuniões algumas dicas práticas que podem ajudar mesmo para aqueles pais ou avôs muito ocupados como: separar uns cinco minutos enquanto a criança vai dormir e contar-lhe uma história e alguns exercitaram  de forma prática durante a reunião, elaboramos brincadeiras de roda em que as crianças olhavam fascinadas para os adultos com os olhos brilhantes como a perguntar: minha vó brincando de roda; falamos da importância desses momentos que  marcaram nossa infância e guardamos na memória até hoje  e certamente marcará também a eles. Da importância da família oferecer as crianças suporte no dia a dia, nesse processo de construção de personalidade em que eles estão, boas lembranças da infância leva  a criança a crescer e se tornar um individuo saudável.

O trabalho com crianças até 6 anos e suas famílias deve ser no sentido de intervir no contexto de vulnerabilidades, prevenindo riscos e fragilização de vínculos

Adriana Sarde Maria
Assistente Social

Brinquedos simples confeccionados  com sucata também foram sugeridos bem como alguns jogos de competição e de cooperação para que as família e a escola  possam  agregar a  vida das crianças. Dar um tempo a criança, brincar com ela, não é perda de tempo, é ganho.

Por conta da dificuldade que muitos apresentaram com os encontros semanais seguidos, passamos a realizar nossos encontros quinzenalmente, e em alguns foram também orientados pela assistente social Adriana Sardes, coordenadora do projeto e responsável pela sua implantação, mas ainda assim percebemos que muitos foram desistindo pelo caminho, mas parabenizamos aqueles que se dedicaram e colocaram em prática nossas dicas. As professoras que colaboraram com suas experiências no auxilio dessas famílias obrigada!


Você também vai gostar de ver:

2 Comentários
  1. Bom dia sou Eliane, preciso fazer um curso urgente . fico no aguardo .

    • Por gentileza entre em contato com nossa Assistente Social toda quarta-feira no telefone 4392.7492

Endereço

Rua dos Macucos, 14
Pq. dos Pássaros
SBCampo
(11) 4392-7492